• Vinicius
    • 6 de junho de 2011

    Muito bom! Podia ter pulado a paragrafo q fala do “orgulho”, mas parabéns pelo post e pelo blog. Que a energia esteja com você! hahsuhaha

  1. Obrigado Vinícius!

    Quanto a parte do “orgulho” tive que falar porque me indignou.

    Espero que a energia esteja sempre conosco! hehehe (já que se ela não estiver seremos somente Consciências sem formas de manifestação! :P)

    Um Abraço e volte sempre!

    “Em um estado sombrio nós nos encontramos… um pouco mais de conhecimento iluminar nosso caminho pode.” – Mestre Yoda

  2. HAHAHAHA
    mto legal esse paralelo! Dá para usar os filmes dos Jedis para fazer outras relações também. Fica minha sugestão de fazer o paralelo com o filme Avatar VS Experiência fora-do-corpo, se quiser trocar idéias, meu email é fon.floripa@gmail.com

    • leila
    • 7 de junho de 2011

    Bom dia,
    gostaria de receber novos artigos via mail.

    um abraço,
    leila

    • tiago oliveira
    • 7 de junho de 2011

    fico com o vinicius na parte do “orgulho”. fazer piada difamatória de uma parapatologia do psicossoma não é nada assistencial, só evidenciando sectarismo. até a socin já está mudando estes hábitos com a tal lei contra homofobia.

    excluindo esta “piadinha”, a matéria está muito boa. Certamente George Lucas usou das filosofias orientais que já trabalhamd com energia para a criação dos Jedi. o bom que agora estamos (re)aprendendo a fazer isso de forma mais limpa e autônoma.
    parabéns pelo blog. muito bom.

    • Bom, nunca agraderemos a todos não é mesmo! Isso faz parte da minha falha de personalidade, dos meus trafares (traços fardos), defeitos, aspectos da minha manifestação que ainda tem que ser dilapidados e desenvolvidos.

      E obrigado!

  3. Estes comentários deixam claros o diferencial entre ser fraterno e ser belicista. A conscienciologia é a consciência, eu você, que busca assistir pela lucidez, pelo discernimento, pela intenção de ser útil. Estamos no mesmo barco. O Planeta Terra é uma imensa Nave solta no espaço onde todos vamos nesta mesma viagem onde sempre nos reencontramos pelos revezamentos existenciais. Ora no Cosmos, ora na Terra(renascimentos e dessomas=morte física). Ninguém perde ninguém, e ninguém é de ninguém. Ótima matéri. Parabens!

    • Falou bem e falou bonito, Ismar! Com toda certeza, daqui para frente nossa maior arma será o esclarecimento e o domínio da Força, ops, da Energia! hehehe

    • Renato
    • 7 de junho de 2011

    Bem, ficou realmente desnecesaríssima a parte final. Reação emocional que praticamente nega todo o conteúdo anterior. Uma pena.

    • Parece que seu psicossoma também está reagindo perante minhas últimas palavras do post, exagerando no resultado. Não precisa ser tão trágico assim a ponto de dizer que a parte final nega todo o conteúdo anterior porque não é bem assim.

      O que evidencia é o meu grau pessoal de evolução e consciencialidade que está longe da perfeição ainda. Que por mais que eu fale sobre assistencialidade e antibelicismos e outros assuntos ainda tenho meus trafares (traços fardos, defeitos) que se manifestarão em minhas palavras e ações, que posso ou não oprimir, mas decidi me expôr para não ser hipócrita ou demagogo.

    • Marcelo
    • 7 de junho de 2011

    Ah, que patrulhamento chato! Tem coisa mais irritante que esta patrulha pelo politicamente correto? Não consigo deixar de pensar que sempre que você fica escolhendo palavras, mesmo que esteja explícito o tom de brincadeira, você está subestimando a capacidade de entendimento dos outros.
    O texto é muito bacana, parabéns. Os contra-pontos estão muito bem feitos, e está longe de ser homofóbico para ficarem te enchendo o saco.

  4. Agradeço a todos vocês pelos comentários e críticas e elogios e a visita aqui no Recuperando Cons e sintam-se a vontade para voltar sempre e deixo o espaço amplamente aberto para discussões, afinal, são as divergências de opiniões que forma o conhecimento humano.

    Vamos exercitar o mentalsoma!

    Um abraço a todos e votos de compléxis a todos vocês!

  5. só um detalhe.. eu havia feito esta associação da força com bioenergia há tempos, mas eu não associei há Energia consciencial mas sim às bioenergias como um todo (consciencial + imanente). Vc coloca bem isso qdo diz que “nem toda psicosfera é energia” mas resolvi explicitar aqui com a energia consciencial.

    outro ponto que notei mas deixei de comentar antes foi que da maneira q vc coloca, parece q o concienciólogo é o único humano que usa energia..uma inverdade né? TODO MUNDO usa energia.
    Mesmo q sua intenção fosse mostrar que o conscienciólogo era o único q usa energia de maneira consciente, isso também seria inverdade, pois tem muuuuuito parapsíquico e muuuuuita linha religiosa/mística/marcial por aí q trabalha com energia de forma até mais profunda que a gente (mas desconheço algum conhecimento mais limpo, mais lógico, adogmático e pró-autonomia que a conscienciologia).
    Isso abre para a má interpretação de certos aí que, ao invés de aproveitar o positivo do post (que tem muito) acaba por se focar nesta parte e assim usar como mecanismo para críticas do tipo: “ahh então vc acha q vc é Jedi..sei…” ou até o contrário, alguém um pouco mais sugestionável vai achar que existem Jedi mesmo lá no ceaec e vai querer ingressar lá por isso..

  6. Só uma correção no seu comentário Tiago, “toda psicosfera É energia, mas nem toda energia é psicosfera” você trocou as bolas! hehehe

    Na verdade a intenção foi dizer que é o conscienciólogo que utiliza conscientemente, mas foi falha minha mesmo, pelo menos comentar sobre os outros parapsíquicos que també utilizam conscientemente a energia.

    Pior é que as Consciências utilizam a informação da forma que lhe agradam. Teve até comentário dizendo que o post foi um desserviço para a Conscienciologia porque a pessoa foi alvo de chacota dos amigos por causa da comparação com Star Wars. 😛

  7. Fala, Smaily, tudo bem? Também gosto bastante de Star Wars e achei bem legal o seu texto. Não sei se entendi bem, mas se for o que entendi, gostaria de ressaltar aqui um pequeno asteristico, pois não procuramos negar as emoções (nem mesmo as mais selvagens rs), e sim estuda-las para que possamos entender melhor nossas manifestações e desenvolvermos um maior domínio emocional. Sem tabú. Sem repressão. Serenão ainda tem psicossoma.. rss

    Outra coisa, cara… Que ta fazendo fora do voluntariado? Rss.. O Alexandre fala bastante de você por aqui e o pessoal fica ‘mas cade esse cara?’.. Então.. o que está esperando? Join Us! Eu mesmo to esperando você aqui na equie Jedi faz muito tempo.

    Abração cara. Sucesso.

  8. Oi Bruno , tudo bom!

    O que quis dizer foi que deve haver uma transformação da manifestação dos emocionalismos para a serenidade de sentimentos. É que na frase ficou meio estranho né? Porque parti do Código Jedi para a Conscienciologia sem explicar bem a questão.

    O interessante da escrita é isso, ás vezes você acha que escreveu bem, que a mensagem foi clara, porém vai percebendo pela reação do leitor, que não estava tão claro assim como você pensou ou que está resumido demais e por aí vai.

    Quanto ao voluntariado, ainda não vou conseguir voltar, porque para isso teria que reciclar os cursos do IIPC e no momento não estou podendo dispor de recursos financeiros para tal. E escrever aqui no blog foi a maneira que encontrei de ainda fazer algum esclarecimento enquanto resolvo essa parada financeira e enquanto minha filhota cresce mais um pouco.

    “Que a Energia esteja com vocês, Obiwan Bruno Kenobi!” hehehehe

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: